Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Uso de drones corporativos deve crescer 50% em 2020, estima Gartner
Home > Tendências

Uso de drones corporativos deve crescer 50% em 2020, estima Gartner

Consultoria prevê que as vendas do veículo para uso empresarial devem chegar a 526 mil unidades em 2020

Da Redação

16/12/2019 às 15h25

Foto: Shutterstock

O uso de drones está cada vez mais presente dentro das empresas. De acordo com estimativas do Gartner, a tendência é que essa adoção se popularize ainda mais.

A consultoria prevê que as vendas do veículo para uso empresarial devem chegar a 526 mil unidades em 2020, o que representa um aumento de 50% em relação a 2019. Até 2023, o Gartner estima que o número de aparelhos atinja 1,3 milhão de unidades.

“Estima-se que as remessas para esse segmento atinjam quase 210 mil drones em 2020 e mais que dobrem até 2023, pois os drones estão assumindo tarefas como mapeamento de terreno e gerenciamento de terraplanagens, pois são mais rápidos e seguros para realizarem este tipo de tarefa”, afirma Kay Sharpington, Analista Principal do Gartner.

Leia mais na IT Trends

CIO2503

E-book por:

Segundo estudo da consultoria, a principal aplicação de uso dos drones estará principalmente no monitoramento de obras e construções, que deve alcançar 209,8 mil de unidades no próximo ano.

Em segundo lugar, está o monitoramento de serviços de incêndio (com 48,5 mil) e, por último, na investigação de seguros, fechando com 46,4 mil.

O Gartner, ainda, aponta tendências de uso em alguns mercados em específico:

Mercado de seguros

O Gartner espera que os drones aplicados na área de seguros cresçam de uma relação de 152 mil pessoas por drone em uso pelas seguradoras, em 2018, para uma taxa de 72 mil pessoas por equipamento utilizado em todo o mundo em 2020.

Instituições governamentais

O número de aparelhos usados pela polícia e pelos corpos de bombeiros passará da taxa de um equipamento para mais de 210 mil pessoas para uma relação de 47 mil habitantes por drone em operação já no próximo ano.

Potencial no varejo

O sonho de se usar drones em entregas, que ainda é uma realidade apenas em ambientes controlados, deve crescer um pouco mais a partir de 2023. Na percepção do Gartner, o número de remessas de drones, que estarão em 25.000 no ano de 2020, subirá para 122.000 unidades em 2023.

Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15