Home > Gestão

Um guia completo para você melhor se preparar para uma entrevista técnica

Entrevistas técnicas podem demandar investimento de tempo e dinheiro para as empresas, mas podem ajudar a eliminar candidatos não qualificados

Rich Hein e Sharon Florentine, CIO

05/08/2019 às 8h50

Foto: Shutterstock

Entrevistas técnicas são demoradas e estressantes, e podem aumentar ou reduzir as suas chances de conquistar uma vaga no mercado de trabalho. O nível de tensão dessa etapa do processo seletivo é ainda maior para os desenvolvedores autodidatas e para quem está sendo entrevistado pela primeira vez. Mas com a preparação e a prática corretas, a sua próxima entrevista técnica pode ser simples, independentemente do seu histórico.

“Candidatos não-tradicionais são realmente intimidados por entrevistas técnicas, porque eles foram feitos para sentir que não estão qualificados sem um diploma. Mas eu não acho que isso seja verdade”, diz Gayle Laakmann McDowell, fundadora da CareerCup, empresa de consultoria de carreira técnica.

O que é uma entrevista técnica?

Uma entrevista técnica é uma oportunidade para avaliar como você aborda e resolve problemas do mundo real, e para analisar a profundidade e amplitude das suas habilidades e conhecimentos gerais usando desafios, problemas, discussões e quebra-cabeças.

"Se tivermos três finalistas para uma vaga, é aqui que fazemos uma entrevista técnica para ver quem é o mais eficiente", explica John Reed, vice-presidente executivo de soluções gerenciadas da Robert Half Technology. Medir essa proficiência tem pouco a ver com a sua formação educacional, desde que você possa executar o trabalho.

“Trazer alguém que pode não ser bom é apenas um desperdício do tempo de todos, então fornecer uma plataforma objetiva para medir habilidades pode ajudar a descobrir talentos”, declara Tigran Sloyan, CEO e co-fundador da plataforma de desafio de codificação CodeSignal.

É verdade que as entrevistas técnicas podem demandar investimento de tempo e dinheiro para as empresas, mas podem ajudar a eliminar candidatos não qualificados e destacar as habilidades e o conhecimento de outros.

Formatos de entrevista técnica

Alguns empregadores dão tarefas na forma de problemas de programação ou lógica antes de marcar entrevistas pessoalmente. Isso restringe o número de candidatos não qualificados ou subqualificados. Durante uma lição de codificação, você deve reservar um tempo para planejar o seu código antes de escrevê-lo. Certifique-se de entender completamente as instruções e os requisitos. Mesmo se você acha que o rascunho está bom, releia-o várias vezes antes de começar e, mais uma vez, depois de terminar o desafio, certifique-se de que cumpriu todos os requisitos.

Além disso, algumas empresas incluirão uma tela remota, na qual os candidatos devem apresentar a sua tarefa antes de realizar uma entrevista pessoal. Certifique-se de estar familiarizado com as tecnologias que serão usadas.

Embora a preparação para esses tipos de fases do processo seja semelhante, os candidatos devem adicionar algumas etapas ao seu processo de preparação. É essencial testar a funcionalidade da tecnologia remota com antecedência, além de garantir que você esteja em um espaço silencioso e livre de distrações. Se a sua tela for a compartilhada, feche ou minimize todas as guias pessoais abertas no seu navegador e organize a área de trabalho do seu computador.

Durante um desafio de programação em tempo real, é importante se comunicar. Pense em voz alta e compartilhe seus pensamentos e a lógica para as suas escolhas com o entrevistador. Leve o tempo que precisar - esses desafios geralmente não são cronometrados, por isso pense em tudo e dê ao entrevistador a oportunidade de lhe dar sugestões.

Seja articulado e se comunique claramente

Em qualquer entrevista de emprego, as habilidades de comunicação - ou a falta dela - podem ser um fator decisivo. Você deve ser capaz de articular e mostrar para a empresa por que você deve ser contratado, afirma Ed Nathanson, fundador e CEO da Red Pill Talent. "As empresas querem ver o candidato pensar em 'tempo real' e, embora você seja brilhante no que faz, em uma entrevista você precisa ser capaz de comunicar esse brilhantismo", explica.

Outro aspecto importante é fazer pesquisas sobre a empresa antes de comparecer a uma entrevista. Conheça os produtos, o público e pense em como você poderia ajudar a organização.

Esteja pronto para as telas em branco

O whiteboard se tornou uma prática padrão em entrevistas técnicas, então você deve praticar com antecedência para não congelar, diz Nathanson. Você também deve aproveitar ferramentas de prática online, como o CodeSignal ou o HackerRank: Ambas oferecem desafios de programação anônimos e gratuitos para ajudar os desenvolvedores a praticar.

Saiba quais habilidades a empresa está buscando

Os departamentos de recursos humanos dedicam muita atenção na descrição das habilidades necessárias para a ocupação de uma vaga. Dessa forma, leia atentamente quais são as necessidades da empresa e os requisitos do cargo. "Essas informações foram colocadas lá para fornecer orientação sobre o que a empresa está procurando para garantir que os candidatos sejam adequados”, defende Nathanson.

Estude os fundamentos

Os fundamentos por trás de algoritmos e estruturas de dados tendem a ser o foco de muitas entrevistas técnicas, afirma Vivek Ravisankar, CEO e co-fundador do HackerRank. Esses conceitos são ensinados em cursos introdutórios de informática e em programas de graduação tradicionais, mas eles podem ser aprendidos com recursos facilmente acessíveis e com um pouco de investimento de tempo.

Certifique-se de revisar os assuntos técnicos do seu conjunto de habilidades em que você pode estar um pouco enferrujado e mergulhar um pouco mais em tópicos sobre os quais você tem apenas conhecimento geral. Espere perguntas sobre todos os assuntos, desde fundamentos até conceitos de nível superior, bem como problemas lógicos e quebra-cabeças, diz Ravisankar.

Lembre-se, não existe um processo padrão para demonstrar suas habilidades de programação. Às vezes, as terminologias podem diferir entre empresas ou até mesmo entre dois programadores especializados na mesma língua. Se, por exemplo, você está sendo entrevistando para um trabalho que requer PHP, você deve aperfeiçoar essas habilidades lendo e até fazendo testes práticos online ou tutoriais, declara Reed.

Leve um portfólio

É sempre uma boa ideia levar um portfólio para mostrar o seu trabalho aos entrevistadores. Pode ser um caderno físico, um link para o seu repositório do GitHub, exemplos de projetos em que você trabalhou - qualquer coisa que possa servir como um exemplo real das suas habilidades e experiências. Os entrevistadores estão procurando habilidades técnicas, capacidade de comunicação e também estão analisando quais ferramentas você usa e quais você já domina.

Desenvolvedores autodidatas geralmente ficam aquém quando se trata de projetar soluções e escrever código limpo, diz Sloyan. Novamente, é útil estudar os fundamentos da ciência da computação para ter uma ideia de como projetar soluções. Um amigo, colega ou mentor profissional que possa ajudar a revisar seu código pode ser uma boa solução.

Prepare-se mentalmente

Ao se preparar para a entrevista técnica, você também deve ter a mentalidade certa. "Preparar-se mentalmente é muito importante", diz Reed. "Se você tiver uma entrevista matutina, você acorda cedo o suficiente? Você está criando um ambiente silencioso e reflexivo onde pode realmente preparar sua mente para o que está por vir?" Faça anotações mentais, pense no que que você quer dizer durante a entrevista, pergunte a si mesmo como responderá às perguntas dos entrevistadores.

Não tenha medo de fazer perguntas

"Se eles fizerem uma pergunta técnica, certifique-se de entendê-la antes de responder. Se você não souber a resposta, isso não significa que o jogo acabou", diz Tracy Cashman, pesquisadora de tecnologia.

As empresas não estão necessariamente procurando uma resposta “certa” ou um resultado específico para suas entrevistas técnicas, explica McDowell. Muitas organizações procuram habilidades e evidências sobre como você lida e resolve problemas. "Os entrevistadores podem pensar que estão avaliando os candidatos estritamente em seus méritos técnicos, mas também estão avaliando como os candidatos falam sobre o que fizeram no passado, como estão pensando e resolvendo problemas", acrescenta McDowell.

Seja honesto quando estiver sob tensão

Se você está tenso e não consegue responder a alguma questão, não entre em pânico. É possível que você saiba a resposta, por isso, sua melhor aposta é a sinceridade.

“Seja honesto. Apenas peça desculpas e diga algo como: 'Eu usei esse comando na semana passada, mas ele não está vindo à mente agora. Se eu estivesse no trabalho, aqui está o que eu faria para encontrar a resposta. Dessa forma, você está lidando com o problema e mostrando que é engenhoso", diz Cashman.

Em segundo lugar, se você realmente não souber a resposta, pode dizer algo como "Infelizmente, eu não tive a oportunidade de trabalhar com C#; no entanto, eu tenho tanta experiência em VB.NET que eu sinto que posso fazer a transição facilmente". Segundo Cashman, se você tem certeza de que não sabe resolver o problema, não finja que sim. Tente traçar um paralelo ou faça uma conexão entre algo relativo com o qual trabalhou ou com o qual está trabalhando.

Confirme sua resposta

Depois de entender a pergunta e delinear sua solução, termine com uma pergunta para confirmar, como "Isso respondeu a sua pergunta? Eu lhe dei a resposta que você estava procurando? Há alguma parte que você gostaria que eu detalhasse?"

Encerre a entrevista de forma positiva

Muitas entrevistas são encerradas deixando os participantes sem jeito, mas não precisa ser assim. Use os últimos minutos para fazer perguntas sobre a empresa, a cultura, os projetos e as iniciativas em que a organização está envolvida. Deixe que o entrevistador saiba por que você é a pessoa certa para o trabalho. Se houver aspectos específicos sobre o seu histórico, habilidades ou experiências que não foram ditas - ou que você deseja reiterar - este é o momento de enfatizá-los.

Envie uma mensagem de agradecimento

Como em qualquer entrevista, você quer que o entrevistador se lembre de você pelos motivos certos. Envie uma mensagem ou e-mail de agradecimento usando os nomes dos entrevistadores, lembrando alguns dos pontos altos da entrevista e expressando o seu desejo de trabalhar com eles.

Agora, sente-se, relaxe e espere a resposta da empresa!

 

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail