Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Trabalho não será mais um local: mas como isso influenciará as empresas?
Home > Tendências

Trabalho não será mais um local: mas como isso influenciará as empresas?

Tecnologias de comunicação e colaboração serão muito mais inteligentes do que conhecemos. Empresas precisam se ter a isso para atrair e reter talentos

Gustavo Santos*

30/10/2019 às 13h00

Foto: Shutterstock

Dentro de 20 anos o trabalho será visto simplesmente como algo que as pessoas fazem, e não como um "local"para o qual eles se deslocam. As formas de trabalhar serão muito diferentes, pois uma nova geração chamada de "workspace consumers" deverá escolher seu horário e local de trabalho. A maioria das pessoas trabalhará grande parte do tempo em casa e terão a opção de visitar hubs superconectados para conhecer e interagir com outras pessoas quando isso se fizer necessário ou para utilizar facilities e ferramentas que não estão disponíveis em casa.

Não existirão mais horários definidos e a ênfase estará na entrega do trabalho, enquanto o bem-estar das pessoas terá muito mais prioridade que hoje. A tecnologia reunirá redes de indivíduos que operam de maneira empreendedora, sendo a colaboração - o principal impulsionador do desempenho dos negócios.

Em grandes cidades como São Paulo, não fará mais sentido para uma empresa ter e manter escritórios com um alto custo e obrigar todos os seus funcionários a se deslocarem por horas, perdendo assim qualidade de vida e produtividade no trabalho. Sem falar nos custos de energia com transporte e de infraestrutura para as cidades que precisarão ser mais eficientes.

As tecnologias de comunicação e colaboração serão muito mais inteligentes do que conhecemos hoje, tarefas repetitivas que exigem decisões já conhecidas ou previsíveis serão automatizadas com o uso de Inteligência Artificial (IA), deixando as pessoas com mais tempo para focar onde realmente é necessário.

Esse futuro não está distante e empresas que estão pensando nessa transformação hoje já tem a disposição no mercado ferramentas de tecnologia que podem acelerar esse processo. O foco agora é a produtividade e também a melhoria da qualidade de vida das pessoas. Outro fator que urgente é que as empresas sabem da necessidade dessa evolução para atrair e manter talentos, pois as gerações nativo-digitais não terão dúvidas em escolher uma empresa que já está nessa jornada de transformação do trabalho frente à outras.

Com essa missão, nasceram empresas para auxiliar na transformação digital focada no workplace e principalmente nas pessoas. E também plataformas para habilitar boa parte das tendências que são apontadas em estudos sobre o futuro do trabalho como, disponibilizar aplicações, dados, desktops e redes em plataformas multi-cloud acessíveis através de qualquer dispositivo e em qualquer local com segurança e baixa complexidade de implantação. Merece destaque um novo conceito chamado Intelligent Digital Workspace que já começa a automatizar tarefas que consomem a produtividade das pessoas no trabalho e está em uso em empresas de grande porte aqui no Brasil implantadas pelo nosso time de consultores.

Tudo muda muito rápido e o futuro do trabalho já começou. Pense nisso.

*Gustavo Santos é sócio-fundador da Populos Tecnologia, empresa especialista e líder na América Latina em End User Computing, Infraestrutura e Cloud

Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15