Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Empresas estão longe de atingir maturidade em dados, aponta Dell
Home > Tendências

Empresas estão longe de atingir maturidade em dados, aponta Dell

Estudo apontou os paradoxos no uso de dados pelas companhias; Maioria está longe de extrair insights de dados

Carla Matsu

27/08/2021 às 14h21

Foto: Shutterstock

Legenda: maturidade em dados

O discurso sobre o imperativo uso de dados pelas organizações confronta com a realidade das mesmas. A conclusão é de um estudo encomendado pela Dell Technologies divulgado nesta quarta-feira (25/08) durante o Dell Technologies Forum.

Realizado pela Forrester Consulting com 2 mil empresas de diferentes tamanhos, em mais de 45 países, incluindo o Brasil, o estudo “ O Paradoxo de Dados” retrata uma realidade tal qual o título que o encabeça. Em linhas gerais, a grande maioria das empresas acredita viver uma cultura data driven quando, na verdade, não está preparada para a complexidade do volume de dados hoje já captado, tampouco para aquele que está por vir com as tecnologias 5G e edge computing batendo à porta.

“Na prática são poucas as empresas que conseguem tratar dados de forma adequada e extrair insights”, indicou Diego Puerta, presidente da Dell Brasil, durante coletiva de imprensa.

O estudo buscou investigar como empresas estão usando dados para implementar processos e orientar modelos de negócios e se deparou com três paradoxos.

Paradoxo 1 – Empresas acreditam que são direcionadas por dados, apesar de a maioria não tratar dados como ativo essencial;

Paradoxo 2 – Empresas afirmam precisar coletar mais dados, apesar de já terem mais dados do que conseguem lidar;

Paradoxo 3 – Empresas que reconhecem os benefícios de consumir tecnologia como serviço, mas poucas delas fizeram a transição para incorporar esse modelo nas suas organizações.

A baixa maturidade em relação ao uso de dados também contrasta com outro estudo que a Dell tem feito desde 2016, o “Dell Technology Transformation Index”, feito a cada dois anos. Segundo Puerta, em 2016, a capacidade de gerenciar e transformar dados em insights sequer estava entre as 10 principais preocupações da TI entre as empresas ouvidas. Em 2020, em meio à pandemia e com a necessidade incorrigível da transformação digital para manter a continuidade dos negócios, a sobrecarga de dados e a capacidade para extrair insights se tornou a principal prioridade em tecnologia das companhias. Preocupações acerca da segurança e privacidade de dados vieram logo na sequência.

Leia a matéria completa no IT Forum.

Snippets HTML5 default Intervenções CW
Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15