Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Covid-19 acelera lacuna de habilidades, cobrando reinvenção do RH e das lideranças
Home > Tendências

Covid-19 acelera lacuna de habilidades, cobrando reinvenção do RH e das lideranças

Pandemia também aumentou expectativa dos funcionários em relação aos seus empregadores, alerta estudo da IBM

Da Redação

20/10/2020 às 9h00

Foto: Adobe Stock

Enquanto muitos líderes de negócios procuram preencher a lacuna de habilidades e cultivar uma força de trabalho sustentável em meio à Covid-19, nova pesquisa revela que menos de 4 em cada 10 executivos de Recursos Humanos (RH) relatam que possuem as habilidades necessárias para alcançar sua estratégia empresarial.

A pesquisa pré-pandêmica da IBM, em 2018, revelou que até 120 milhões de trabalhadores entrevistados nas 12 maiores economias do mundo podem precisar ser retreinados ou requalificados nos próximos três anos devido à Inteligência Artificial e automação. Esse desafio só foi exacerbado com a pandemia de Covid-19. À medida que muitos líderes C-suite aceleram a transformação digital, eles relatam que habilidades inadequadas é um de seus maiores obstáculos para o progresso.

A pesquisa em andamento da IBM também mostra que as expectativas dos funcionários pesquisados em relação a seus empregadores mudaram significativamente durante a pandemia, mas há uma desconexão em quão eficazes os líderes e funcionários acreditam que as empresas têm sido no tratamento dessas lacunas.

Quase três quartos (74%) dos executivos pesquisados acreditam que seus empregadores têm os ajudado a aprender as habilidades necessárias para trabalhar de uma nova maneira, em comparação com apenas 38% dos funcionários pesquisados. Além disso, 80% dos executivos pesquisados disseram que sua empresa está apoiando a saúde física e emocional dos funcionários, mas apenas 46% dos funcionários pesquisados concordaram.

CIO2503

E-book por:

O novo estudo "Acelerando a jornada para RH 3.0", conduzido em parceria com o analista independente global Josh Bersin, da Josh Bersin Academy, inclui percepções de mais de 1.500 executivos globais de RH entrevistados em 20 países e 15 setores.

"Hoje, talvez mais do que nunca, as organizações podem falhar ou prosperar com base em sua capacidade de permitir a agilidade e a resiliência de sua maior vantagem competitiva - seu pessoal", disse Amy Wright, Sócia-Gerente da IBM Talent & Transformation. "Os líderes empresariais devem mudar para atender às expectativas dos novos funcionários provocadas pela pandemia de Covid-19, como suporte holístico para o seu bem-estar, desenvolvimento de novas habilidades e experiências verdadeiramente personalizadas para os funcionários, mesmo enquanto trabalham remotamente. É imperativo apresentar uma nova era de RH - e as empresas que já estavam no caminho estão mais bem posicionadas para ter sucesso em meio a interrupções hoje e no futuro”.

Inteligência Artificial

Quase seis em cada dez empresas de alto desempenho pesquisadas relataram usar IA e analytics para tomar melhores decisões sobre seus talentos, como programas de qualificação e decisões de remuneração. Enquanto isso, 41% estão aproveitando a IA para identificar as habilidades de que precisarão no futuro, contra 8% dos colegas respondentes.

As empresas de alto desempenho pesquisadas (65%) também estão buscando IA para identificar habilidades comportamentais, como mentalidade de crescimento e criatividade para formar equipes adaptáveis diversificadas, em comparação com 16% dos pares.

O relatório aponta ainda que mais de dois terços de todos os entrevistados disseram que as práticas ágeis são essenciais para o futuro do RH. No entanto, menos da metade das unidades de RH nas organizações participantes têm recursos em design thinking e práticas ágeis.

A maioria das empresas pesquisadas de alto desempenho (71%) também relataram que estão implantando amplamente uma arquitetura de tecnologia de RH consistente, em comparação com apenas 11% das outras.

"Para obter um alinhamento comercial de longo prazo entre líderes e funcionários, este momento exige que o RH opere como um consultor estratégico - uma nova função para muitas organizações de RH", disse Josh Bersin, Analista Independente Global e Reitor da Josh Bersin Academy. "Muitos departamentos de RH estão buscando tecnologia, como nuvem e analytics, para oferecer suporte a uma abordagem mais coesa e de autoatendimento às responsabilidades tradicionais de RH. Oferecer capacitação aos funcionários por meio de suporte holístico pode levar a mudanças estratégicas maiores para os negócios maiores".

3 elementos para promover uma mudança duradoura

De acordo com o relatório, os executivos de RH pesquisados de empresas de alto desempenho tinham oito vezes mais probabilidade do que seus pares pesquisados de causar rupturas em suas organizações. Entre essas empresas, as seguintes ações são uma prioridade clara:

  • Acelerar o ritmo de aprendizado e feedback contínuos;
  • Cultivar uma liderança empática para apoiar o bem-estar holístico dos funcionários;
  • Reinventar sua função de RH e arquitetura de tecnologia para tomar decisões baseadas em dados em tempo real.

Entre os casos citados pelo estudo está o Burger King Brasil, exemplo de empresa que respondeu rapidamente às expectativas e necessidades de novos funcionários apresentadas neste momento. O Burger King Brasil trabalhou com a IBM para criar um novo assistente virtual baseado no IBM Watson Assistant, que ajudou durante a pandemia a fornecer suporte de autoatendimento à sua força de trabalho e comunicações e conexões mais transparentes entre si e com a liderança da empresa. A solução dá suporte a seus 16.000 funcionários e, em média, respondeu a 1.100 perguntas por dia somente em abril.

Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15