Home > Gestão

Quer o exponencial mas não consegue sair do incremental?

Nick Davis, vice-presidente de inovação da Singularity University dá a dica de como interpretar os sinais de alerta do motor de crescimento

Da Redação

22/02/2019 às 11h20

Foto: Shutterstock

Muitas organizações estão decepcionadas com sua taxa de progresso ou com o fracasso de alcançar o crescimento além de seus principais produtos enquanto tentam lançar novos produtos ou iniciativas.  Em um post publicado esta semana no blog da Singularity University, seu vice-presidente de inovação corporativa, Nick Davis, tenta ajudar os executivos a identificar os sinais de alerta que devem ser verificados regularmente para garantir que o futuro mecanismo de crescimento da organização tenha força suficiente para alimentar seus principais objetivos.

Para começar, Davis reforça que a prontidão para a mudança vai muito além da implementação da tecnologia atual.  "É verdade que as tecnologias exponenciais estão impulsionando as enormes rupturas que estão refazendo setores inteiros. Mas a tecnologia sozinha não ajudará sua organização a enfrentar os desafios do nosso admirável mundo novo", diz ele.

Segundo Bryan Weiner,professor da Universidade de Washington, estar bem preparado para uma iniciativa de transformação bem-sucedida envolve múltiplos níveis e facetas de uma organização, incluindo pessoal, fluxo de trabalho, tomada de decisões, comunicação e incentivo.  "Embora você deva saber o quanto sua equipe está comprometida com a mudança em grande escala, também é essencial conhecer sua capacidade coletiva de realizar mudanças, o que Weiner chama de mudança de eficácia. Um aspecto importante da prontidão organizacional é a capacidade de identificar e abordar possíveis problemas que possam atrapalhar suas iniciativas de inovação antes que elas comecem", comenta Davis.

Embora haja muitas incógnitas na condução de mudanças nas organizações, Davis acredita que é possível aumentar as chances de sucesso com uma visão clara de onde se quer chegar,  a definição da missão e o compartilhamento das metas. "A falta de patrocínio e apoio da suíte executiva pode colocar a empresa em sério risco de sobrevivência, tanto quanto a falta de engajamento entre as unidades de negócios e os parceiros", alerta o executivo. "Talvez o assassino de inovação mais letal seja o fracasso de uma equipe executiva ou de um conselho em fornecer os recursos financeiros e humanos necessários. Mas além de alocar recursos, a liderança executiva também deve promover uma cultura de inovação que inclua a permissão de ser ousado, experimentar e cometer erros ao longo do caminho".

É preciso estar preparado para educar as partes interessadas relutantes sobre conceitos exponenciais, o ritmo acelerado da mudança e os riscos da inação. Para isso, é crucial construir uma narrativa forte para o futuro e comunicar claramente essa narrativa a todas as equipes. Isso ajuda a garantir o engajamento em toda a organização e alinha todos a se concentrarem em uma única direção.

Em paralelo, é preciso também estar atento às duas verdades tecnológicas exponenciais que podem separar os líderes dos retardatários:

1 - entender quais tecnologias - à medida que surgem, convergem e evoluem - terão o maior impacto em sua organização e setor.

2 - e entender os estágios do crescimento exponencial da tecnologia e a velocidade da sua progressão.

Por exemplo, diz Davis ,se o Bblockchain é um disruptor em potencial em sua indústria, você deve saber em que estágio de desenvolvimento esta tecnologia está.

"Se você estiver familiarizado com o 6Ds Framework de Peter Diamandis (abaixo), você pode saber que este roteiro de desenvolvimento rápido  ajuda a visualizar estágios através dos quais a tecnologia acelera. É essencial saber onde as tecnologias exponenciais que impulsionam seus negócios estão relacionadas a essa curva de crescimento e como elas estão convergindo. Monitorar de perto e de forma contínua essas tendências pode ajudá-lo a tomar decisões melhores, mais rapidamente".

Por fim, é preciso ter sempre em mente que os programas de inovação organizacional não têm data final e ninguém pode prever o crescimento futuro com certeza.

Mas existem alguns insights, segundo Davis, que ajudam a acelerar a inovação e sustentar o crescimento futuro. São eles:

1 - Os estágios da maturidade e da convergência da tecnologia exponencial

2 - Quais tecnologias inovadoras moldarão seu setor (e setores adjacentes)

3 - O progresso de cada projeto de inovação em andamento em seu portfólio

3 - Desempenho atual do portfólio e oportunidades de melhoria

4 - Onde alocar seu tempo e recursos para o melhor retorno

5 - Seu progresso geral de inovação em relação aos dados de referência do setor

6 - O impacto total da receita projetada do seu portfólio

"Para progredir e ficar à frente do ritmo exponencial de mudanças, sua organização precisa desenvolver um poderoso mecanismo de crescimento", sustenta Davis. "Para isso, a empresa deve ser capaz de medir os resultados para melhorar o desempenho do seu mecanismo ao longo do tempo", completa. E esses três indicadores ( de engajamento, tecnologia e progresso) são fundamentais.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail