Home > Tendências

Pandemia do coronavírus deve desacelerar crescimento de data centers

Segundo Gartner, remessas globais de servidores teve declínio de 3,1% e receita apresentou queda de 2,5% quando comparado a 2018

Da Redação

23/03/2020 às 14h09

Foto: Shutterstock

Apesar de o mercado mundial de servidores ter mostrado crescimento no quarto trimestre de 2019, uma vez que sua receita aumentou 5,1% e as remessas cresceram 11,7%, segundo o Gartner, o balanço de 2019 aponta queda de 3,1%. Já a receita de servidores caiu 2,5%, em comparação com o ano de 2018. Estes números devem ser ainda mais desanimadores para o setor, segundo especialistas, com o surto de coronavírus.

"O mercado voltou a crescer com um resultado muito forte no quarto trimestre, impulsionado em grande parte pelo retorno da demanda dos hiperscalers. No entanto, as perspectivas para o mercado mundial de servidores em 2020 estão sujeitas a grandes incertezas. O impacto do surto de coronavírus (COVID-19) deve moderar o crescimento previsto. Embora a demanda do segmento de hiperescala deva continuar até o primeiro semestre do ano, as reações de outras organizações de compras variam”, disse Adrian O'Connell, Diretor Sênior de Pesquisa do Gartner.

Apesar de um declínio de 9,9% ano a ano, a Dell EMC garantiu 17,3% de participação no mercado. A empresa garantiu o primeiro lugar no mercado mundial de servidores com base nas receitas do quarto trimestre de 2019, seguida pela Hewlett Packard Enterprise (HPE) com 15,4% do mercado. A IBM ficou com 10% do mercado, porém teve o maior crescimento no trimestre, crescendo 28,6%.

Em remessas de servidores, a Dell EMC manteve a posição número 1 no quarto trimestre de 2019, com 14,2% de participação de mercado. A HPE garantiu o segundo lugar com 10,8% do mercado. Tanto a Dell EMC quanto a HPE sofreram quedas nas remessas de servidores, enquanto a Lenovo teve o maior crescimento com um aumento de 22,4% nas remessas no quarto trimestre de 2019.

CIO2503

E-book por:

Quanto ao desempenho do fornecedor, a Dell EMC ocupou o primeiro lugar nas receitas e nos embarques, com 20,5% de participação no mercado e 16,3% no mercado, respectivamente. A HPE garantiu a segunda posição com participação de mercado de 17,3%, em receita, e 12,3% em remessas. A Inspur Electronics é o único fornecedor entre os cinco primeiros que cresceu em receita e remessas em 2019.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail