Home > Carreira

O novo CIO do Google dará conta do recado?

Merrill tinha fama de ser o típico homem alternativo, o que o tornava ideal para o Google. Mas o que dizer de Ben Fried que acaba de assumir o cargo?

CIO (EUA)

30/04/2008 às 17h15

google2_int.JPG
Foto:

O Google contratou Ben Fried, diretor de aplicações e infra-estrutura do Morgan Stanley, para substituir Douglas Merrill como CIO. A notícia da mais nova contratação do Google vem logo após três semanas da saída de Merrill da gigante de buscas para se tornar presidente da área de negócios de música digital da EMI Music.

Fried tem um enorme desafio para se igualar ao antigo ocupante do cargo. Seu predecessor era famoso por sua aparência de estrela do rock (tem um corpo esbelto, com piercings e tatuagens e cita as bandas Talking Heads e INXS em seu blog) assim como por sua mente alinhada com a cultura do Google.

Recrutadores e analistas de Wall Street endossaram a seleção de Fried pelo Google, uma pessoa que, dizem eles, tem uma excelente reputação no Morgan Stanley.

“Achamos que ele é realmente uma ótima escolha,” diz Jeffrey Lindsay, um analista sênior que cobre companhias de internet, incluindo o Google, para a Sanford C. Bernstein.

Lindsay diz que sua boa fama no banco de investimentos fala alto sobre sua capacidade e credibilidade. Ele nota que Fried iniciou a carreira como programador e trabalhou muito para trilhar seu caminho para o topo ao longo dos anos.

“Se ele gerenciou sua subida por 14 anos no Morgan Stanley, uma coisa que se pode dizer com certeza é: ele possui uma ótima capacidade de relacionar-se e se dar bem com as pessoas, além de ser um líder natural,” diz Lindsay. “Ele teve que ter um desempenho extremamente alto para chegar tão longe no Morgan Stanley.”

Mundos diferentes, mas nem tanto

Lindsay diz que a experiência de Fried  em gerenciar tecnologias complexas vão servi-lo muito bem no Google. Fried sabe como é gerenciar sistemas de tecnologia globais que processam em tempo real transações de bilhões de dólares. Nem o Google ou o Morgan Stanley podem suportar sistemas fora do ar.

Lindsay também acredita que o conhecimento de Fried sobre o sistema financeiro e a TI corporativa irá ajudar o Google a avançar o desenvolvimento do Google Finance e do Google Apps. “O Google está entrando forte nessas áreas, como com aquele acordo com a Salesforce.com. E esse será um território muito mais familiar para Fried por conta de seu passado,” diz ele. “Se o Google quer vender o Google Apps para Wall Street - o que ele quer - Fried será um ótimo CIO.”

Fried versus Merrill

Shawn Banerji, um recrutador de executivos da Russell Reynolds em Nova Iorque, vê familiaridade entre o Fried e o Merrill.

“Ele parece ter sido feito sob medida para o Google. Ele é ultra-inteligente e fez toda sorte de coisas interessantes,” diz banerji, referindo-se ao software que Fried desenvolveu para a NASA assim como a seu trabalho na instituição financeira.

Banerji nota que tanto Merrill como Fried estão na casa dos 40, o que os torna jovens. Ambos são atletas. Fried escreveu em seu perfil que jogava Ultimate Frisbee antes de problemas no joelho aparecerem.

Notadamente, ambos trabalharam no mundo financeiro antes de juntarem-se ao Google. Merril veio da Charles Schwab.

Enquanto Fried começa a aparecer nas capas das revistas, uma coisa é certa: Sua ida para o Google é um grande salto. Ele sai de uma indústria em crise e amplia sua visibilidade. Banerji diz:”Ele está saindo de um lugar onde era um dos homens da área de tecnologia para se tornar o número um em tecnologia no Google.”

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail