Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Empresas de TI abertas no Brasil saltam 64% no primeiro semestre de 2020
Home > Notícias

Empresas de TI abertas no Brasil saltam 64% no primeiro semestre de 2020

Foram 250,6 mil negócios de TI abertos no período, segundo estudo da Assespro-PR e da UFPR. Abertura saltou 50% na última década

Redação do IT Forum

18/08/2021 às 14h58

startup_empreendedorismo_projeto_agile_3.jpg
Foto: Shutterstock

Mais de 16 mil empresas de tecnologia foram criadas somente no primeiro semestre deste ano no país, o que equivale a 64% do registrado durante todo o ano passado, quando 25 mil novos negócios foram abertos no setor. Os dados são da pesquisa “Insights Report – Panorama do Setor de Tecnologia da Informação e Comunicação”, conduzida pela Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação no Paraná (Assespro-PR), em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR).

A quantidade de empresas criadas entre 2010 e 2020 saltou de 14 mil para 25 mil, uma alta de 79%. Já as empresas inativas passaram de cerca de 6 mil para 11 mil no período, um aumento de 80%. Segundo o estudo, o crescimento no decênio foi freado pelos resultados de 2015 e 2016, quando houve quedas no PIB de -3,5% e -3,3%, respectivamente.

O levantamento também evidencia o efeito da crise no ano passado, motivada pela pandemia do Covid-19, para o aumento da inatividade. Para 16 mil empresas de serviços em TI abertas no primeiro semestre deste ano, verificou-se cerca de 5 mil outras inativas.

Atualmente, as empresas no ramo de TI somam 250,6 mil em todo o país, o que corresponde a 49% mais do que o registrado em 2010. No recorte por Estado, desponta São Paulo, que saltou de 85 mil para 118 mil companhias de TI entre 2010 e 2020. Em seguida aparecem Rio de Janeiro (19 mil para 24 mil) e Minas Gerais (12 mil para 17 mil).

O destaque fica por conta do Paraná, que há onze anos era o quinto em total de empresas. Agora, além de ultrapassar o Rio Grande do Sul e chegar à quarta posição do ranking, está mais perto do terceiro colocado.

Snippets HTML5 default Intervenções CW
Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15