Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
Ciberataques contra indústria de games cresce 340% durante pandemia
Home > Notícias

Ciberataques contra indústria de games cresce 340% durante pandemia

Segundo relatório da Akamai, roubo de credenciais é o golpe mais comum contra empresas e jogadores online

Redação

25/08/2021 às 16h47

games
Foto: Shutterstock

A indústria global de jogos eletrônicos, ou simplesmente games, cresce rapidamente no mundo e movimenta bilhões de dólares. Junto com o crescimento, aumentaram também os ataques cibernéticos contra as empresas produtoras e publicadoras de games – além, é claro, dos jogadores.

Segundo um relatório de 2021 da Akamai, os ataques à indústria de games cresceram 340% no mundo entre 2019 e 2020. Somente ataques do tipo WAF (web application firewall) foram mais de 240 milhões direcionados ao setor de jogos, cerca de 4% dos 6,3 bilhões de ataques do tipo rastreados globalmente.

“As defesas da indústria de games estão sendo testadas diariamente por criminosos que aproveitaram o período [de pandemia] para buscar vulnerabilidades através das quais possam invadir servidores e expor informações dos usuários”, diz Helder Ferrão, gerente de marketing de indústrias da Akamai na América Latina.

Dos ataques observados pela Akamai no setor no ano passado, 59% foram de
SQL Injection (SQLi), que tem como alvos as credenciais de login e informações
pessoais dos jogadores. Esses dados são significativos, pois a indústria de
jogos foi a que mais teve crescimento no tráfego de ataques do que qualquer
outro setor em 2020.

Por outro lado, houve queda de 20% nos ataques de negação de serviço (DDoS).
Apesar disso eles foram responsáveis por 46% do tráfego DDoS observado pela
Akamai no ano passado.

Credenciais

Os ataques de roubo de credenciais (credential stuffing) no setor
cresceram 224% entre 2019 e 2020. Segundo o relatório da Akamai, foram cerca de
11 bilhões de ataques do tipo contra gamers. O ataque de roubo de credenciais é
um dos tipos mais comuns para obter controle de conta, principalmente devido ao
uso de informações “recicladas” pelos usuários.

Quando os jogadores e outros internautas reutilizam credenciais (nome de
usuário, e-mail, senhas) em plataformas, se um ataque bem-sucedido ocorre em um
site e conseguem acesso a essas informações, esses dados serão utilizados em
todas as outras plataformas em que esses dados podem ser utilizados.

“Se a senha de login do jogo é a mesma usada em um site de banco, por
exemplo, quando um criminoso compromete uma conta, todas as outras contas desse
usuário que são as mesmas daquela roubada, também serão comprometidas porque a
senha reciclada será testada em várias plataformas e serviços”, explica Helder
Ferrão. “Os usuários devem estar atentos e usar senhas diferentes ao acessar
sites diferentes.”

Snippets HTML5 default Intervenções CW
Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15