Fazer login no IT Mídia Redefinir senha
Bem-vindo de volta,
Digite seu e-mail e clique em enviar
Ainda não tem uma conta? Cadastre-se
Salvar em Nova pasta de favoritos

+

Criar pasta
Salvar Escolher Pasta
46% dos líderes aumentarão orçamento da estratégia de transformação digital
Home > Notícias

46% dos líderes aumentarão orçamento da estratégia de transformação digital

Estudo da KPMG revela que pandemia acelerou processo tecnológico

Redação

22/12/2021 às 10h14

Foto:

A pesquisa “Combustível digital – impulsionando a transformação e o crescimento empresarial”, da KPMG, revelou que 46% dos entrevistados programaram crescimento no orçamento da estratégia de transformação digital para os próximos 12 meses e outros 27% esperam manter os gastos pelo menos nos níveis atuais.

Segundo o relatório, no estudo de transformação digital do
ano passado, as três principais prioridades de transformação digital foram
operações responsivas, interações, comércio transparentes, experiências
centradas no cliente, mas a situação mudou.

"Este ano, os líderes de transformação digital revelam
que o combustível digital é um acelerador que transformou as experiências e
expectativas dos clientes. Conforme as empresas saem da fase de emergência,
elas passaram a redefinir prioridades. Agora, mais de um ano depois, estão
moldando a próxima etapa de transformação de negócios, mudando o foco da
sobrevivência para o crescimento sustentável e lucrativo", analisa do
sócio de transformação digital da KPMG, Oliver Cunningham.

Quando questionados sobre o impacto da covid-19 no progresso
de transformação digital nos negócios, os líderes disseram que a pandemia foi
um acelerador desse processo. Mais da metade (71%) disseram que os esforços de
transformação em automação e modelos de força de trabalho impulsionados pela
inteligência artificial os colocaram à frente de onde esperavam estar. O mesmo
se aplica às estratégias de engajamento do cliente, com 62% implementando
iniciativas de experiência digital do cliente muito antes do planejado.

"Quando a covid-19 surgiu, foi algo repentino e
drástico. De uma hora para outra, empresas de todos os portes tiveram que se
ajustar a novas formas de manter funcionários, clientes e fornecedores seguros
e conectados remotamente. Isso envolveu acelerar o ritmo da transformação
digital. Há uma confiança renovada e uma determinação para aumentar a receita,
a participação no mercado e focar novos clientes", finaliza o sócio-líder
de tecnologia, transformação digital e inovação da KPMG no Brasil e na América
do Sul, Frank Meylan.

Snippets HTML5 default Intervenções CW
Vai um cookie?

A CIO usa cookies para personalizar conteúdo e anúncios, para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar, você aceitará o uso. Para mais detalhes veja nossa Política de Privacidade.

Este anúncio desaparecerá em:

Fechar anúncio

15