Home > Tendências

Não exagere no uso da Edge Computing

Em muitos casos, o controle centralizado na nuvem faz mais sentido do que tentar fazer tudo nas extremidades da rede

David Linthicum, InfoWorld/EUA

07/12/2018 às 8h00

Foto: Shutterstock

Toda a ideia da Edge Computing  é levar algum processamento para a borda da rede. À medida que nos movemos para dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que estão reunindo muitos dados, faz sentido processar esses dados perto de onde eles são coletados.

Hoje, a maioria dos principais provedores de nuvem pública está impulsionando seus próprios serviços de Edge Computing. Mas empurrar tudo para a extremidade da rede nem sempre é possível - e nem sempre é uma boa ideia.

Se o provedor de nuvem for gerenciar a Edge Computing usando um conjunto de serviços de nuvem, e o fizer de maneira escalável, realmente precisará de um controle central. Isso inclui a segurança, a governança e o gerenciamento do processamento lá na borda. Embora esse controle central pareça estar errado em relação ao conceito da Edge Computing, há realmente uma boa razão para que esteja presente.

Evitar as viagens de ida e volta dos dados do dispositivo para a nuvem é fundamental para aplicativos que usam visão computacional ou Machine Learning - por exemplo, um sistema de verificação de identidade empresarial ou um rastreamento e filmagem de um drone proprietário ou de um objeto. Mas, no fim do dia, a gestão do sistema está lá na nuvem. A nuvem, será onde a informação ficará armazenada por longos períodos de tempo, e onde os algoritmos acessarão vastas coleções de dados para análise e treinamento de sistemas de IA.

Além disso, lembre-se de que você precisa manter a virtualização desses processos, seja na borda ou no centro. Então, novamente, não importa onde as coisas são processadas, desde que haja tecnologia para acompanhar o que está onde e o que está fazendo o quê. Faz mais sentido que a tecnologia de rastreamento esteja em uma plataforma de nuvem pública centralizada.

O poder da Edge Computing não é onde os dados e o processamento residem, mas no fato de que o processamento pode ser separado, se necessário, e gerenciado de forma centralizada.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail