Home > Notícias

Indústria eletroeletrônica apresenta estabilidade em 2019

Após dois anos consecutivos de crescimento, o setor apresentou resultado abaixo do esperado

Da Redação

06/12/2019 às 15h50

Foto: Shutterstock

A Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) divulgou os indicadores anuais do setor nessa quinta-feira (5). De acordo com a associação, o faturamento da indústria eletroeletrônica deve ser encerrado em R$ 154 bilhões em 2019, apresentando crescimento nominal de 5% na comparação com o ano passado.

Apesar do aumento registrado, os analistas afirmam que não houve crescimento real, já que a inflação também fechou o ano em 5%. Depois de dois anos consecutivos de resultados positivos, essa é a primeira vez que o setor apresenta estabilidade no faturamento e na produção.

Para o presidente executivo da Abinee, Humberto Barbato, a atividade produtiva ficou abaixo do esperado, principalmente por conta da demora na aprovação das reformas. “Este ano o setor andou de lado e não conseguimos apresentar crescimento”, declarou.

Mesmo com os resultados, o número de empregados na indústria eletroeletrônica aumentou, saltando de 232,2 mil para 235 mil em 2019. Vale destacar, no entanto, que em dezembro de 2013, o setor contava com 308,6 mil postos de trabalho.

CIO2503

E-book por:

Projeções para 2020

As expectativas para 2020 são positivas. Segundo a Abinee, 76% dos seus associados esperam crescimento em vendas e encomendas no próximo ano. Além disso, com a projeção de crescimento do PIB de 2,2% e inflação em torno de 3,6% ao ano em 2020, a previsão é de que a indústria apresente crescimento nominal de 8% e real de 4% no faturamento.

Ainda de acordo com a Abinee, a produção deve crescer 3% e o nível de emprego atingir 239 mil postos de trabalho. As exportações devem aumentar 4% e as importações, 11%. “Aos poucos a economia vai se reativando e o ambiente parece demonstrar uma maior confiança dos empresários”, concluiu o presidente do Conselho da Abinee, Irineu Govêa.

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail