Home > Tendências

Ações da Apple dobram e atingem 200 dólares

Os papéis da companhia pela primeira vez romperam a barreira das duas centenas nesta quarta-feira (26/12) e tiveram ao longo do ano aumento de 134%

ComputerWorld

28/12/2007 às 2h43

Foto:

As ações da Apple transpuseram esta semana o limite dos 200 dólares por ação. Logo depois, baixaram seu valor para 198,95 no momento do fechamento da bolsa Nasdaq. Apesar disso, o rompimento da barreira é um marco para a empresa.

Os papéis da companhia também passaram o limite do dobro de seu valor desde o mês de janeiro. Nos últimos 12 meses, as ações alcançaram um mínimo de 76,77 dólares por ação. Com a exceção de certas baixas temporárias, as ações mostraram uma tendência de alta constante, situando-se em um aumento de 134% ao longo do ano.

Na última quinta-feira (20/12), a capitalização de mercado da Apple (o valor da companhia baseado no preço e no número de ações), foi de um total de 167,64 bilhões de dólares.

As ações da Apple alcançaram um pico de 200,96 dólares por ação ontem e, ao final do dia, tiveram um aumento de 0,15 dólares ou de 0,08% no dia.

Na ocasião do lançamento do iPhone, os números também foram positivos. O telefone celular que integra funções de iPod, fez com que as ações da Apple subissem 8,31% no fechamento da Nasdaq em janeiro (09/01).

O aumento fez com que cada ação da companhia, que teve a mudança do seu nome de Apple Computer Inc. para Apple Inc. anunciada por Steve Jobs, atingisse preço de 92,57 dólares no primeiro mês do ano.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail