Home > Tendências

IBM perde mercado em servidores para HP, Dell e Sun

Levantamento do Gartner aponta que HP, Dell e Sun ganharam participação no mercado global de servidores; IBM, ainda líder, foi quem mais perdeu

NetworkWorld, EUA

29/11/2007 às 13h10

Foto:

No terceiro trimestre de 2007 a IBM, apesar de ainda manter a liderança global no segmento de servidores, foi quem mais perdeu participação de mercado. Por outro lado, HP, Dell e Sun foram as empresas que mais cresceram, de acordo com o Gartner.

Segundo o levantamento, a IBM recuou 8,1% em faturamento e 3,9% em unidades no período.

A virtualização de servidores, apesar de vir recebendo muita atenção das empresas, não pode ser usada para explicar o resultado. Globalmente, o número de unidades cresceu 8,7% em relação ao mesmo período de 2006, com 2,2 milhões de unidades. O faturamento do setor também subiu, 2,6%.

De acordo com um relatório da IDC, o segmento de servidores começou a dar sinais de recuperação já no segundo trimestre deste ano, após 3 anos de vendas estagnadas. "A dinâmica essencial do mercado, como o crescimento de países em desenvolvimento, junto com a demanda contínua por mais capacidade, é mais forte que os inibidores, como a adoção de virtualização", afirma o analista do Gartner Errol Rasit, no relatório.

Quem mais ganhou espaço no trimestre foi a HP, que entregou 649.958 servidores, cerca de 20% mais que no mesmo período do ano anterior. Tal resultado solidificou a liderança em unidades, distanciando a companhia de Dell e IBM, respectivamente segunda e terceira colocadas em número de equipamentos vendidos.

Já em faturamento, a liderança continua com a IBM, apesar de a empresa ter entregue 319.674 servidores no trimestre, menos da metade de unidades da HP.

Tal cenário aproxima as empresas: a HP é a segunda nesse critério, com um faturamento de 3,7 milhões de dólares, um crescimento de 13,9%. Mesmo perdendo 8,1% de suas receitas, atingindo assim 4 milhões de dólares, a IBM continua à frente - 30,1% contra 28,1%.

Já Dell e Sun reportaram acréscimos de faturamento de dois dígitos, mas ainda se mantêm em distantes terceiro e quarto lugares, de acordo com as estatísticas do Gartner.

O crescimento de 8,7% no número de unidades globalmente é explicado, em parte, pelo aumento nos setores de servidores x86 e blades, ambos liderados pela HP.

Jon Brodkin - NetworkWorld, EUA

       

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail