Home > Gestão

Tempos difíceis para TI

Gasto mundial com tecnologia da informação ultrapassa a marca dos 3 trilhões de dólares, mas iminência de uma recessão põe sombra no futuro

19/10/2007 às 13h31

Foto:

O Gartner projeta que os gastos mundiais com tecnologia da informação neste ano vai alcançar 3,1 trilhões de dólares, um aumento de 8% sobre o ano anterior. Mas o instituto não recomenda muitas festas para comemorar a ultrapassagem da marca do 1 trilhão de dólares pela primeira vez.

Apesar de esperar que os gastos com tecnologia continuem numa tendência de alta no próximo ano - de cerca de 5,5% para 3,3 trilhões de dólares em 2008 - o Gartner tem alertado às companhias de TI de que o cenário econômico é incerto.

"Vemos potenciais problemas à frente", disse Peter Sondergaard, líder da pesquisa no Gartner. Os problemas combinados entre a área de habitação nos Estados Unidos, falta de oferta de crédito, custos de energia e variações cambiais podem levar a uma redução nos investimentos em tecnologia, salientou.

Sondergaard recomendou aos cerca de 6 mil participantes da ITexpo, que acontece esta semana, que criem dois orçamentos de TI. "O primeiro deve refletir o mesmo tipo de crescimento marginal para o qual estamos preparados nos últimos seis anos", explicou.

"O segundo orçamento deve reconhecer a necessidade de cortar custos em resposta à chegada de uma possível recessão", completou o analista.

"É um bom conselho", avaliou Loren Jenkins, diretora financeira de uma companhia de hipotecas cujo nome ela não quis revelar. "Estamos vivendo momentos de incerteza neste momento e, se estiver preparado você estará melhor posicionado para enfrentar qualquer eventualidade que possa surgir nos próximos 12 a 18 meses", afirmou.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail