Home > Gestão

Quer inovação? Pague por ela

Para receber novas idéias da terceirizadora, você deve repensar sua abordagem, incluindo como e quanto você paga pelos serviços

CIO - EUA

19/10/2007 às 17h49

Foto:

Lembro-me que meu pai tinha um Ford A (sim, sou velho o bastante). Ele tinha um assento adicional na parte traseira, no qual eu adorava brincar, de um belo e intenso verde. O fato é que o assento ter vindo na cor verde foi uma grande coisa porque seu predecessor, o modelo T, não tinha essa opção. Como Henry Ford disse sabiamente, “as pessoas podem querer carros de qualquer cor, contanto que seja preto.”

O velho Henry sabia que a forma mais barata (o modelo T foi lançado em 1908 por US$ 850 e o preço caiu depois que ele introduziu a linha de produção em 1913) e confiável de construir carros era dividir o trabalho em pequenos e repetitivos processos e limitar as opções dos consumidores. Como estratégia industrial e modelo de negócio, era um sucesso. Ainda é.

Essa é uma dura e infeliz verdade com que os CIOs têm-se deparado quando esperam que as tercerizadoras entreguem inovação. Uma pesquisa da Forrester levantou que 41% dos compradores estão insatisfeitos com a inovação proveniente da terceirização; enquanto uma recente e exclusiva pesquisa da CIO revela que 44% dos executivos estão insatisfeitos com a inovação advinda de terceirização offshore (veja pesquisa completa na próxima edição da CIO). Mas isso não deveria ser uma surpresa.

As terceirizadoras sabem que uma das melhores formas de ganhar dinheiro é com o sistema Ford: defina o trabalho da forma mais restrita possível (“qualquer cor contanto que seja preto”) e divida-o em passos repetitivos. O que não é exatamente a fórmula para inovação, para gerar novas idéias e melhorar processos de negócio.

Você pode obter idéias inovadoras de uma terceirização? Claro. Pode ter o que quiser. Mas assim como as opções de cor do Modelo A (eram três opções) elevaram o preço em relação ao Modelo T (preto básico), conseguir inovação vai pesar no seu bolso. O paradoxo é que redução de custos ainda é a maior razão para as empresas optarem por terceirizar a área de TI.

Pedir inovação aos seus parceiros de terceirização faz sentido. Fazê-lo sob as antigas regras de acordo de nível de serviço – você faz X, Y e Z e nós pagamos por isso, nem um tostão a mais – não.

A verdade é, se você quer novas idéias da terceirização, você precisa pensar em uma nova abordagem.

David Rosenbaum - CIO-EUA

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail