Home > Gestão

O perigo dos dados em dispositivos móveis

Levantamento da Colman Parkes aponta que, mesmo com 78% das empresas preocupadas com os aparelhos, a maioria ainda não tem soluções

11/09/2007 às 12h14

Foto:

Cresceu a preocupação dos CIOs e CSOs com a perda de dados vitais para as corporações em dispositivos móveis, mas na prática poucos possuem sistemas instalados para controlar ou, ao menos, rastrear as informações neste aparelhos.

De acordo com pesquisa da Colman Parkes, 78% dos entrevistados estão preocupados com a segurança de dados nos dispositivos móveis, mas 88% deles não rastreiam as informações nestes aparelhos. Além do risco em si da perda das informações, as organizações também estão sujeitas as multas aplicadas pelas regulamentações nos Reino Unido.

A pesquisa ouviu 200 gestores de tecnologia no Reino Unido, EUA e União Européia. De acordo com o estudo, 6% das organizações assumiram a perda de dados em dispositivos móveis, montante que sobre para 10% no Reino Unido.

No geral, mais da metade das organizações acreditam que o vazamento de informações vai aumentar nos próximos cinco anos. Para 68%, uma das maiores preocupações não está apenas nos dados armazenados nos dispositivos móveis, mas na questão de garantir um acesso seguro dos aparelhos dentro da rede corporativa.

O levantamento aponta, ainda, que 63% das companhias afirmam que seus funcionários levam dados críticos de clientes em seus laptops ou PDAs, enquanto 28% delas indicam que os dispositivos móveis são usados para acessar dados financeiros.

Joe Davis – Computerworld, Reino Unido

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail