Home > Tendências

RFID vai além das cadeias de suprimento

Gerenciamento de ativos e controle de acesso estão entre os novos usos que as companhias estão dando à tecnologia de radiofreqüência

24/07/2007 às 16h23

Foto:

A tecnologia de identificação por radiofreqüência (RFID) já não é mais vista apenas como uma forma de integração da cadeia de suprimentos. A conclusão é de uma pesquisa divulgada neste mês pela ABI Research, conduzida entre abril e junho e que envolveu 175 companhias, algumas das quais ainda não deram início ao uso de RFID.
Um dos mais conhecidos casos de implantação da tecnologia envolveu o gigante do varejo Wal-Mart, que utiliza  a tecnologia para otimizar a logística e o gerenciamento da cadeia de suprimentos entre fornecvedores e suas diversas unidades. Da mesma forma, o Departamento de Defesa americano (DOD) tem orientado seus fornecedores a utilizar RFID para identificar seus bens.
No entanto, de acordo com a pesquisa da ABI Research, a cadeia de fornecedores não é a única área em que as companhias estão aplicando RFID. A tecnologia é também usada em gerenciamento de ativos, controle de acesso e gerenciamento de inventário especializado, disse Micheal Liard, analista da ABI.
Apesar de as companhias estarem investigando o uso do RFID para segmentos verticais específicos, Liard enfatiza que o principal motor de adoção da tecnologia  ainda é o que impulsionou o Wal-Mart e o DOD. A área de maior crescimento para o RFID continua a ser a aplicação para rastrear caixas e pallets, disse ele.
Alguns dos entrevistados para a pesquisa, no entanto, deram suas explicações para não estarem adotando o RFID, ao afirmar que essa tecnologia tem relevância limitada para suas operações. Elas também citaram dúvidas em relação aos benefícios do RFID.
Baseado nos resultados da pesquisa, Liard ofereceu o seguinte conselho em uma entrevista por e-mail: "para as companhias que estejam próximas de adotar a tecnologia, eu recomendo uma estratégia baseada em um otimismo cauteloso. Atuais e potenciais usuários finais devem se lembrar que, quando adotarem RFID, essa decisão deve ser mais voltada à aplicação e em como a tecnologia pode alavancar pontos críticos em uma companhia".

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail