Home > Carreira

Você é o novo CIO. E agora?

Parabéns! Você foi promovido. Mas seus colegas não gostaram da novidade. Como ter suporte para suas iniciativas?

Patricia Wallington

13/10/2005 às 13h00

Foto:

Você acaba de ser escolhido como o novo CIO. Uma promoção é sempre excitante, mas com ela vem o seguinte desafio: como ser o chefe de seus antigos colegas?

Não pense que seu relaciomento com eles será o mesmo a partir de agora. Alguns, que também aspiravam ao cargo, ficarão enciumados. Outros o excluirão de festinhas e happy hours. E outros ainda poderão tentar sabotá-lo.

Ao mesmo tempo, você terá de tratar de forma parcimoniosa aqueles que parecem continuar seus amigos. E terá de firmar novas alianças envolvendo os demais diretores e quem está acima de você. Transpor esses obstáculos de maneira bem-sucedida o tornará apto a aproveitar melhor as oportunidades para evoluir como líder e agregar valor à organização.

Quatro tipos de funcionários

Quando você se torna o chefe, aqueles colegas se dividirão em quatro categorias: os “de saída”; os que “testam”, os resistentes e os entusiastas. Os de saída são aqueles que, por várias razões, não querem continuar na empresa. Deixe que partam. Contar com pessoas que já não se sentem conectadas à organização é, na melhor das hipóteses, uma vitória temporária. No pior dos casos, você terá de motivá-lasa avaliar suas decisões em ficar ou não. Você achará mais fácil trabalhar quando aqueles insatisfeitos tiverem partido.

Os que testam não confiam ainda em sua liderança. Descobrirão maneiras de desafiar seu estilo de gestão e suas expectativas em relação ao time. Testar é normal e pode ser uma boa alternativa para desenvolver relações construtivas. Em resposta a esses desafios, a empresa observará como você age. Lidar com esse tipo de funcionário é cultivar a paciência. Aproveite cada oportunidade para tornar transparentes suas idéias, seu estilo.
Os resistentes testarão sua paciência ao discordar de cada idéia. Mesmo quando demonstram simpatia em relação a alguma proposta sua, acabarão seguindo suas próprias diretrizes depois. Deixe claro a colegas assim o seguinte lema: "lidere, siga ou saia do caminho.

"Lembro-me de um funcionário que fazia maus comentários a meu respeito aos colegas. Tivemos um conversa, pedi para saber de sua opinião sobre minha pessoa de forma direta. Disse que muitos dos comentários que saíam do escritório poderiam chegar a mim de forma distorcida. O ataque público cessou, e pudemos construir um relacionamento construtivo.

Já os entusiastas estão felizes de trabalhar com você e incentivarão sua liderança aos outros. Impulsivos podem estar em todos os lugares da empresa, podendo ser o CEO ou um funcionário de mais baixa patente. Eles são seus aliados porque algumas iniciativas (uma idéia que você compartilha, por exemplo) podem ter criado vínculos com a pessoa. Nutra relações com esse tipo de funcionário, e ele poderá ser seu advogado quando precisar de suporte.

Continua ( 2 )

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail