Home > Gestão

Como aproveitar ao máximo o trabalho remoto

Equipes globais estão se conectando virtualmente para resolver problemas complexos, o que cria mais oportunidades para trabalhar remotamente

Sue Weston, CIO (EUA)

11/03/2020 às 8h00

Foto: Shutterstock

Ao longo da minha carreira experimentei muitas mudanças na ideia de locais de trabalho. No início, eu aspirava a ter um escritório com uma porta, uma parede imponente e uma vista. Depois vieram os cubículos, com paredes cada vez mais baixas, até que elas deixassem de existir.

Com o tempo, o espaço pessoal diminuiu, introduzindo espaços compartilhados, posicionados para promover conversas e colaboração. As estratégias de localização estão movendo posições que não são do cliente - como as da tecnologia - para centros de baixo custo. As equipes não estão mais localizadas na mesma instalação, campus, região ou mesmo país. As equipes globais estão se conectando virtualmente para resolver problemas complexos, o que cria oportunidades para os funcionários trabalharem remotamente. Mas como essa mudança afetará os funcionários e até mesmo as relações entre os gêneros?

Equilíbrio trabalho-vida

O trabalho remoto é muito procurado como forma de alcançar o equilíbrio entre vida profissional e pessoal. Noventa e cinco por cento dos profissionais que trabalham em TI preferem trabalhar remotamente e 74% estariam dispostos a deixar um emprego para fazê-lo.

Para as mulheres, trabalhar remotamente as ajuda a progredir, 57% foram promovidas em comparação com 35% que trabalhavam no escritório. A interação usando a tecnologia (e-mail, documentos compartilhados, chamadas em conferência e vídeo) equilibra o campo de jogo. Isso quebra o comportamento tradicional, inconsciente e tendencioso de gênero. A tecnologia cria colaboradores “sem rosto” cujas ideias se sustentam. Ela fornece tempo para pensar em soluções, o que reduz o pensamento do grupo e retarda as conversas rápidas.

CIO2503

E-book por:

Um estudo mostrou que 84% das mulheres concordaram que eram mais produtivas usando ferramentas de colaboração on-line e e-mail, porque podiam controlar o vai e vem da comunicação. Sessenta e seis por cento das mulheres indicaram que nas comunicações on-line, os colegas eram mais receptivos, seu trabalho era reconhecido e se sentiam ouvidas.

Quando os funcionários trabalham remotamente, as regras do engajamento mudam

Os funcionários remotos têm menos distrações e menos estresse do que os colegas no escritório, porque controlam quando e como trabalham. As interrupções das pessoas que "aparecem" são substituídas por um e-mail ou um ping, que é gerenciado com mais facilidade.

Os funcionários remotos precisam produzir resultados, participar de reuniões, agendar reuniões individuais com seus gerentes e colaborar com colegas. Ficar fora da vista significa trabalhar mais para permanecer em primeiro plano, especialmente quando outros colegas estão trabalhando no escritório.

Mas trabalhar remotamente não atrapalha mais a carreira. Em 2019, os trabalhadores remotos eram 40% mais propensos a serem promovidos do que seus colegas em exercício, recebiam mais aumentos e sentiam-se valorizados por suas empresas.

Os gerentes têm sido céticos sobre o controle remoto, citando os motivos mais comuns de resistência como:

  • Distrações mais frequentes (com lavanderia, tarefas domésticas, crianças);
  • Acesso imediato para falar com um funcionário;
  • Necessidade de permitir que todos os funcionários trabalhem remotamente;
  • Falta de profissionalismo.

Estes são todos os mitos, é claro! Os trabalhadores remotos são mais focados e produtivos do que os funcionários que trabalham no escritório. Eles podem ser contatados tão facilmente quanto os funcionários no local e colaborar com a mesma eficácia. Trabalhadores remotos não podem fingir produtividade sentados em um cubículo parecendo ocupados. Eles precisam produzir resultados - e eles fazem!

Liberdade, transparência, soluções

O trabalho remoto oferece liberdade de estar no escritório das 9 às 5, oferecendo a capacidade de criar um cronograma que integra intencionalmente atividades de trabalho e não relacionadas ao trabalho sem comprometer demais.

Para as mulheres que podem estar inseguras sobre mostrar sua competência e gerenciar sua imagem, é melhor ser transparente, revelando quando você estará disponível em vez de tentar fazer malabarismos com tarefas. No início de minha carreira, não segui esse conselho e estava fazendo uma teleconferência enquanto carregava meu filho. Não correu bem e terminou com uma ida à sala de emergência.

Entenda como você prefere trabalhar e modele seu ambiente para atender às suas necessidades. Nenhuma solução é perfeita. Trabalhar remotamente pode levar ao isolamento social. Se você gosta de se encontrar no bebedouro, trabalhar remotamente pode ser um momento solitário. Mas o gerenciamento de tempo ativo pode ajudar:

  • Programe “chamadas ou calls” ou encontre atividades externas para aumentar sua socialização.
  • Elabore o envolvimento com seu gerente e equipe para garantir sua inclusão nas conversas.
  • Afaste-se da sua mesa quando for o momento certo. O tempo prolongado na frente de um computador não é saudável.
  • Esteja consciente de não desfocar as linhas entre o trabalho e a vida doméstica.

Quando você trabalha em um escritório em casa, é fácil que o trabalho se intrometa no tempo da família ou crie horas de trabalho mais longas. Estabeleça limites e gerencie suas prioridades. Quando sua vida doméstica e seu trabalho estão entrelaçados, é importante impor uma separação.

Atualmente, o Coronavirus está forçando as empresas a adotar o trabalho remoto. Isso pode ajudar os gerentes a reconhecer os benefícios para suas organizações, como promover a colaboração e a comunicação.

Para trabalhar de maneira eficaz, os funcionários remotos precisam gerenciar ativamente as agendas para manter uma conexão com gerentes e colegas e criar uma separação entre casa e trabalho. Entenda como você trabalha com mais eficiência e estrutura seu tempo e espaço. Desconecte para estar totalmente presente quando estiver em casa. Seja visível e engajado quando estiver no trabalho.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail