Home > Tendências

ARM apresentará plataforma Android do Google na próxima semana

As dúvidas,no entanto, sobre quão bem a plataforma trabalhará com os aparelhos celulares ainda persistem

Computerworld, EUA

08/02/2008 às 10h56

Foto:

Na próxima semana, durante o congresso Mobile World Congress, em Barcelona, a ARM apresentará a plataforma Android, do Google, rodando em um protótipo de equipamento. Esta será apenas uma das diversas demonstrações da plataforma durante o evento, de acordo com o Google.

Stuart Gill, porta-voz da ARM, confirmou em uma entrevista que a empresa conduzirá uma demonstração da Android. Mas não quis dar detalhes.

“A ARM rodará a Android em um protótipo para demonstrar o desempenho da plataforma rodando com seu processador”, disse Barry Schnitt, porta-voz do Google. “Há também uma série de outras empresas que demonstrarão a Android em seus equipamentos de diferentes formas durante o Móbile World Congress”, disse ele, sem nomear essas outras companhias.

Schnitt acrescentou ainda que o Google está “muito entusiasmado sobre o momento construído por trás da plataforma, que será suportada pela tecnologia de diversas companhias”.

Era óbvio que a ARM desenvolveria soluções na área da Android, pois ela já desenvolve CPUs baseadas em Linux para telefones móveis, bem como CPUs baseadas em outros tipos de sistemas operacionais, disse Jack Gold, analista da J. Gold Associates.

Uma vez que a ARM já trabalha com Linux, não seria difícil para a empresa colocar a Android no Linux em um telefone celular, observou Gold. Segundo ele, a ARM estaria desenvolvendo a Android por encomenda de alguma outra companhia, talvez um fabricante de equipamentos.

Porém, a ARM não está listada entre as fundadoras da Open Handset alliance (OHA), liderada pelo Google e que inclui mais de 30 companhias.

Gold disse que diversos fabricantes devem demonstrar telefones e outros equipamentos em Barcelona, tanto em estandes privados quanto nos corredores do evento. Motorola, High Tech Computer, LG Electronics e Samsung Electronics fabricam telefones e são membros da OHA, segundo observou Gold.

A HTC e a T-Mobile também planejam oferecer telefones baseados na plataforma de código aberto Android este ano, de acordo com as próprias companhias.

Para Gold e outros especialistas, a principal dúvida não é se as empresas conseguirão apresentar seus produtos, e sim se eles funcionarão de fato. “Qualquer um pode mostrar um telefone, mas quão sólido ele será?”, questiona Gold. Ele estima que meia dúzia de empresas demonstre equipamentos rodando sobre a Android antes de julho deste ano, com os telefones chegando ao mercado até o fim de 2008.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail