Home > Tendências

Android, do Google, aprendeu com os erros do iPhone

Em seu blog, Mitchell Ashley, da Networkworld, avalia a receptividade do sistema operacional Android e o que deve acontecer com o Windows Mobile e o iPhone.

ComputerWorld

20/02/2008 às 19h24

Foto:

Os avanços estão caminhando em ritmo acelerado na frente do sistema operacional Android, do Google. Os protótipos de hardware e vídeos dos telefones que trazem a primeira apresentação do Android está sendo apresentada na internet e em conferências, como no Mobile World Congress em Barcelona.

Tem inclusive um vídeo de demonstração (em inglês) sobre o Android, cuja versão em plataforma aberta foi apresentada em novembro do ano passado.

O Google está dedicando bastante a sua atenção para entender como as aplicações do Android se integram com outras. Ele tem até uma animação, interface sensível ao toque e mais importante, browsers web que rendem páginas web mais como um browser do iPhone, da Apple. Mas essas são apenas as características superficiais.

Eu sei que o iPhone tem todos os holofotes, mas o Android é uma plataforma de sistema operacional de código aberto que cruza plataformas móveis e é multi-hardware. Mais do que adicionar desenvolvimento de suporte como um pensamento posterior, o Android foi trazido primeiro para a comunidade de desenvolvimento. Enquanto o iPhone está no mercado, o Android está caminhando a passos largos entre a comunidade de desenvolvimento de hardware e software. O Google criou uma “premiação” de 10 milhões de dólares para as melhores aplicações escritas por desenvolvedores que não são da empresa.

O Android SDK (pacote de desenvolvimento) recebeu ontem (19/02) uma atualização com a capacidade de fazer layouts animados, geocodings e códigos para vários formatos. Alguns desenvolvedores ficaram desapontados que o pacote de telefonia ainda não foi atualizado, mas isso será feito em breve. Mais informações sobre o Android SDK estão disponíceis em http://code.google.com/android.

É provável que o Android vai estar mais maduro do que o iPHone SDK. Mas como dissemos, o iPhone está no mercado trabalhando com uma aplicação própria da Apple. Deve ser visto ainda quanto o iPhone SDK é um flecha, um software interno redesenhado ou simplesmente uma exposição de muitas coisas que já estavam lá.

Eu já falei sobre isso outras vezes, sobre o futuro das versões do sistema operacional Windows Mobile depois do iPhone da Apple, mas o caso do Android pode quebrar em pedacinhos tanto o iPhone quanto o Windows Mobile.

Mais do que somente um padrão aberto rodando Linux em um telefone, o Android é um rico e aberto ambiente para criar a próxima geração de telefones e aplicações móveis. Eu sei que posso estar sendo ousado e que o risco é grande, mas acredito que a abordagem aberta do Google e o hardware cruzado vão ajudar o sistema operacional Android sair vitorioso no final.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail