Recursos/White Papers

Tecnologia

Como lidar com dados em um ambiente multicloud

Siga estas três práticas recomendadas para impedir que o uso de vários bancos de dados em várias nuvens confunda suas implantações

David S. Linthicum, InfoWorld/EUA

Publicada em 29 de setembro de 2018 às 18h22

Você está configurando um relatório rápido sobre as vendas do ano e precisa usar três bancos de dados separados. Um deles é um banco de dados de objetos em execução no Amazon Web Services. O segundo e o terceiro são bancos de dados relacionais em execução no Azure.

Você tem alguns problemas para resolver neste cenário multicloud:

- Encontrar a única fonte entre os três bancos de dados, com informações do cliente.

- Lidar com os diferentes tipos de dados e estruturas nativas de cada banco de dados.

- Lidar com camadas de segurança complexas em cada banco de dados e provedor de nuvem.

O fato é que os dados não são centralizados. De fato, os bancos de dados são construídos com propósito e, portanto, você tem diferentes bancos de dados para análise, operações e gerenciamento multimídia.

Uma abordagem multicloud traz uma camada extra de complexidade devido ao fato de ter que lidar com segurança na camada de banco de dados (como criptografia), na camada de plataforma / sistema operacional e na camada de nuvem.

Trabalhar com vários bancos de dados em uma única nuvem é bastante difícil, Então, espere até trabalhar com vários bancos de dados em duas ou três nuvens ao mesmo tempo para os mesmos casos de uso de aplicativos! Esta é uma realidade que muitas empresas estão enfrentando agora, e que vai se tornar ainda mais comum em 2019.

multicloud

Então, quais são as melhores práticas emergentes? Aqui estão algumas delas:

- Primeiro, considere um banco de dados federado, que é uma camada de abstração que existe entre os bancos de dados de origem nas várias nuvens, criando um banco de dados virtual combinado com uma estrutura e com dados que podem ser personalizados para seus casos de uso. O software de banco de dados federado, em nuvem ou não, lida com a diferença nas estruturas de cada banco de dados, incluindo segurança e problemas operacionais. Portanto, você está acessando um único banco de dados virtual - em vez de dois ou mais diretamente - que pode ser personalizado para suas necessidades exatas.

- Segundo, faça um planejamento avançado dos bancos de dados que você vai usar, para saber como trabalhar as inconsistências e diferenças de padrão encontradas. Um pouco de pensamento à frente irá eliminar a maioria dos problemas.

- Terceiro, implemente uma abordagem de gerenciamento de dados mestres e um conjunto de ferramentas. Isso não resolverá todos os problemas, mas fará com que você seja honesto em relação à fonte certa para os dados corretos. Sim, funciona com bancos de dados nativos da nuvem.

Eu suspeito que vamos ser obrigados a lidar com estes problemas mais e mais. O multicloud torna as coisas mais complexas. Mas, com um pouco de planejamento, não deve ser um grande obstáculo.



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui