Recursos/White Papers

Tecnologia

O que é o XaaS e como ele pode mudar modelo operacional da TI

Por que o "Tudo como Serviço" é a melhor maneira de injetar agilidade no seu negócio digital

Clint Boulton, CIO/EUA

Publicada em 26 de setembro de 2018 às 10h08

A Cloud Computing tornou-se mainstream, com a maioria das empresas adotando infraestrutura como serviço (IaaS), software como serviço (SaaS) ou plataforma como serviço (PaaS) como parte de seus portfólios de TI. Mas os serviços em nuvem também foram ampliados para incluir ofertas como desktop como serviço (DaaS), storage como serviço (STaaS), containers como serviço (CaaS) e muito mais. Além disso, há o tudo como serviço (XaaS), em que qualquer função de TI pode ser transformada em um serviço para o consumo corporativo.

Estritamente falando, o XaaS engloba qualquer serviço de computação que é fornecido pela internet e pago em um modelo de consumo flexível, e não como uma compra ou licença inicial. Mas, na pressa de conjurar novos serviços digitais para seus stakeholders, os CIOs estão cada vez mais cooptando a fórmula XaaS para operações internas.

Para muitos executivos de TI, o XaaS não é apenas uma forma de modernizar a TI adotando o Salesforce para CRM, o ServiceNow para suporte de help desk de TI ou Amazon Web Services para infraestrutura de computação. Tornou-se um modelo operacional de TI para impulsionar os negócios digitais, libertando os CIOs do estigma da TI como centro de custos, explicou Jeff Loucks, diretor executivo do centro de tecnologia, mídia e telecomunicações da Deloitte.

O XaaS, que alguns chamam de TI como serviço (ITaaS) e associado ao conceito de “gerenciamento de TI como um produto”, pode potencialmente formar a base para novos fluxos de receita.

Novo modelo operacional de TI
Buscando formas mais baratas e eficientes de executar a TI, CIOs começaram a adotar a nuvem para qualquer coisa, de e-mail a CRM, a ITSM e visualização de business intelligence, para computação, armazenamento e até redes, por meio de redes definidas por software. O XaaS descreve serviços sob demanda que atingem a escala horizontalmente nos negócios. Setenta e um por cento dos 1.170 profissionais de TI e de linha de negócios entrevistados pela Deloitte em grandes empresas dos EUA disseram que o XaaS representa mais da metade de sua TI corporativa.

Aprendendo com seus fornecedores parceiros ao longo do caminho, os CIOs experientes começaram a optar pelas melhores práticas da XaaS como seu próprio plano para a criação e distribuição de novos serviços de TI para seus colegas de negócios. "Em vez de simplesmente usar modelos de consumo flexíveis para cortar custos e aumentar a eficiência da força de trabalho, muitas organizações estão adotando o XaaS para se transformar digitalmente e se tornar mais ágil", explica o executivo.

O modelo operacional XaaS parece diferente para todas as empresas. Mas normalmente envolve a alavancagem de princípios ágeis e/ou DevOps para fornecer serviços de tecnologia mais rapidamente. Isso inclui um rápido ciclo de atualização, compreendendo produtos minimamente viáveis, propriedades de automação e design thinking. Em XaaS, os CIOs podem atuar como "intermediários da nuvem", fazendo parcerias com a empresa para encontrar a solução SaaS ou IaaS correta, ou anotando notas dos manuais de seus colegas fornecedores de nuvem para construir algo do zero. Às vezes, a ferramenta exige uma reestruturação organizacional ao longo das linhas de serviço.

Os meios podem ser diferentes, mas a intenção é a mesma: velocidade e agilidade. Setenta e seis por cento dos entrevistados da Deloitte disseram que o XaaS os ajuda a projetar e implementar rapidamente novos serviços.

XaaS

Loucks dá alguns conselhos:

1 - Escolha os parceiros estratégicos certos para garantir o sucesso
Poucos CIOs têm o talento de TI para construir uma plataforma de análise de autoatendimento que pode escalonar para milhares de funcionários, sem falar no número de cientistas de dados para ajudar a coletar insights de conjuntos de dados complexos. Isso significa que os CIOs podem ter que apelar aos fornecedores de nuvem para obter a escalabilidade, confiabilidade e segurança necessárias. Para construir algo de sucesso, as empresas "precisam de um poder computacional sério e o talento para descobri-lo, desenvolvê-lo e ajustar os algoritmos. Os operadores de nuvem têm infraestrutura e o talento de que precisam para explorar”, complementa ele.

2 - Preste atenção aos  gastos
A nuvem nem sempre é mais barata, já que 45% dos pesquisados ​​por seu estudo XaaS disseram que os custos de XaaS são difíceis de prever e orçamentar. E 42% disseram que os custos foram maiores do que o previsto.

3 - Considere quais dados deseja colocar em uma nuvem
Alguns CIOs tendem a ter ressalvas quando se trata de compartilhar certos dados, como informações financeiras ou de clientes, com um serviço de nuvem.

4 - Tenha cuidado com questões regulamentares
Os CIOs, considerando a entrega de uma oferta criada para usuários internos aos clientes, não devem esquecer os problemas regulatórios. Você pode estar no controle dos padrões regulamentares, incluindo o GDPR e outros padrões de privacidade de dados.



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui