Recursos/White Papers

Notícias

Nextel passa a integrar o Telecom Infra Project, idealizado pelo Facebook

Empresa participará de oito grupos de trabalho reunindo operadoras, integradoras de sistemas e provedores de infraestrutura

Da Redação

Publicada em 27 de fevereiro de 2017 às 10h49

Há um ano, o Facebook decidiu unir esforços em torno do Telecom Infra Project (TIP), projeto voltado para levar internet para áreas com menor poder aquisitivo, colaborando, desta forma, para o desenvolvimento das redes 5G. Na proposta estão inclusos planos de criação para infraestrutura e equipamentos próprios, a fim de reduzir os custos e levar o acesso à rede para locais mais distantes. Logo no início, a empresa com a parceria de várias operadoras como Deutsche Telekom, SK telecom, Vodafone e fabricantes como Intel e Nokia, interessadas em repensar a abordagem tradicional para a construção e implantação de infraestrutura de rede em telecomunicações. Depois vieram empresas asiáticas e até a Telefònica.

Esta semana, durante o Mobile World Congress (MWC), em Barcelona, a Nextel anuncia sua adesão ao grupo. A operadora participará dos oito grupos de trabalho do TIP, que reúnem operadoras, integradoras de sistemas e provedores de infraestrutura.

“Há pouco mais de um ano implantamos um modelo disruptivo de operação, único na indústria. Ao colocar o cliente no centro de todos os processos, redesenhamos nossa estrutura operacional de modo a ter como diretriz primordial a qualidade da experiência. Essa visão transformou desde a forma como dimensionamos nossa rede quanto o modo como nos relacionamos com os clientes, que foram empoderados de uma forma sem precedentes”, ressalta Jorge Braga, COO da Nextel.

No TIP, a Nextel pretende compartilhar cases de gestão de rede, governança de TI, automação de processos e outros, que além de assegurar melhoria significativa da qualidade dos serviços prestados, permitiu um ganho operacional expressivo para a companhia.

5GCIO

Segundo o Facebook, a meta do TIP é focar em eficiência e flexibilidade, e repensando como implantar tecnologia existente. Claramente, não é uma tarefa pequena e nenhuma empresa pode fazer sozinha. A colaboração podem ajudar todos a destravar mais rapidamente novas eficiências.

Os primeiros grupos técnicos incluem três áreas estratégicas de rede: acesso, backhaul e gerenciamento. A intensão é pavimentar o caminho para novas tecnologias como a 5G. 

 



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui