Recursos/White Papers

Notícias

CA lança solução para facilitar o acesso a serviços públicos via celular

Plataforma GPM (Governo na Palma da Mão) reúne produtos da CA, disponíveis na nuvem, com o objetivo de permitir à administração pública aproveitar as oportunidades da economia dos aplicativos

Da Redação

Publicada em 23 de fevereiro de 2017 às 09h26

Já pensou em ter todo o relacionamento com as esferas de governo acontecendo sem burocracia e a necessidade de deslocamentos para atendimento presencial? Essa é a ideia por trás da plataforma Governo na Palma da Mão (GPM), que a CA Technologies começa a oferecer para a vertical governo no Brasil. Capaz de atender às necessidades das administrações públicas nas diversas esferas (municipal, estadual e até federal), o GPM reúne serviços da CA disponíveis na nuvem com o objetivo de integrar diferentes secretarias, ministérios e outras entidades governamentais para melhor atender o cidadão através de um único aplicativo.

O primeiro cliente é o governo do Amazonas. Desde dezembro de 2016, o app Amazonas na Palma da Mão oferece Matrículas para escolas públicas do Amazonas e um sistema de alertas de multas no trânsito, vencimento de licenciamento de veículos e habilitação. Mais de 120 mil matrículas ou rematrículas foram feitas por meio de smartphones, tablets ou acesso pela internet via computadores, em um modelo que reproduz na Web o conceito do Governo na Palma da Mão. Desse total, 70% via mobile, e apenas 30% via desktop.

ProdamCA

E no melhor exemplo de ciclos contínuos de entrega, a ideia é ir incorporando ao app novos serviços das áreas de na área de educação, saúde, arrecadação tributária, trânsito e segurança pública. Muitos deles já disponíveis em apps específicos. 

“O objetivo é simplificar. Fazer com que todos os serviços que temos hoje na nuvem e na Internet possam estar disponíveis para a população amazonense de maneira simples, com acesso único ao cidadão”, destacou Márcio Silva de Lira, diretor-presidente da Prodam, em entrevista à Rede Tiradentes. Entre os próximos serviços a serem incorporados ao app estão o acompanhamento das equipes de plantão em saúde e o agendamento online de consultas e exames médicos.

“O GPM tira proveito da familiaridade dos cidadãos com as tecnologias móveis e permite realizar várias atividades de serviço público em apenas um clique", afirma Denyson Machado, diretor sênior de CyberSecurity e API Management da CA Technologies para a América Latina. Para isso, tira proveito de recursos da API Management e mais dois serviços de segurança da CA, a Identity Suite, que simplifica o processo de gerenciamento das diversas credenciais usadas por um mesmo cidadão para os diversos serviços do governo e o sistema Single Sign-On, que permite ao usuário ter um único login e senha para acessar diferentes plataformas de maneira segura, incluindo a possibilidade de login social (no caso, as credenciais de login do Facebook).

Além da facilidade de uso, o GPM obriga que o governo do Amazonas promova a  integração de diferentes serviços,  requisito indispensável à implantação do conceito de Cidades Inteligentes,  bem como  o mapeamento mais amplo das necessidades da população que um canal bidirecional como o app proporciona. 

Quando falamos em ampliar o diálogo com o cidadão e sermos mais transparentes, podemos soma-lo à equação. Por exemplo, imagine que cada pessoa, ao precisar dos serviços de um Pronto-Socorro, tenha acesso a lista de plantonistas e possa denunciar ao se deparar com menos médicos. É bom para todos, explica o presidente da Prodam.



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui