Recursos/White Papers

Gestão

Sete ferramentas de gerenciamento de projetos que qualquer empresa pode usar

São opções acessíveis mesmo para startups, que têm orçamentos limitados e, portanto, mais dificuldade para pagar por software mais caros

Da Redação, com IDG News Service

Publicada em 20 de fevereiro de 2017 às 18h46

O gerenciamento de projetos vem se tornando cada vez mais uma necessidade diária para todas as organizações de qualquer segmento e porte. Por isso, existem diversas ferramentas que auxiliam no processo, desde o levantamento de sua ideia inicial até a entrega, passando pela divisão de tarefas, monitoramento de atividades, acompanhamento de prazos, etc.

Nem todas as empresas, no entanto, têm recursos para pagar pelo uso das ferramentas mais conhecidas. Da mesma forma que pode acontecer de departamentos de grandes empresas não estarem contempladas no uso dessas plataformas.

Essas opções relacionadas abaixo são bastante acessíveis e podem tornar a colaboração leve e o monitoramento de tarefas, tempo e orçamentos mais automatizado.

É importante notar que muitos desses modelos de preços por usuário ao mês são baseados em valores pagos por empresas que optaram pelo desembolso anual.

1 - Trello
Adquirida pela Atlassian, em 2017, a ferramenta  existe desde 2011 e oferece uma solução web que funciona para empresas de todos os portes, desde startups até gigantes listadas na Fortune 500. Custa US $ 9 por usuário/mês e permite às empresas uma avaliação gratuita do software. Disponível em português, oferece também uma opção gratuita, bem básica. 

A versão paga dá acesso a recursos como colaboração, whiteboards digitais, importação e exportação de dados, monitoramento de marcos relevantes, priorização de trabalho e gerenciamento de fluxo de trabalho. Com recursos drag and drop é de fácil uso até mesmo para pessoas mais inexperientes. E é de fácil integração com outras soluções como Evernote, Gmail, Harvest, Scrum, Zendesk, Dropbox Google Drive,  Box e OneDrive, para citar as mais conhecidas. 

Trello

2 - Mavenlink
Lançada em 2008, oferece uma versão de teste gratuita e soluções para diferentes públicos. A mais barata a US$ 19 por usuário/mês para até cinco usuários, uma profissional a US$ 39 por usuário/mês e outras duas classes de preços, incluindo uma para grandes empresas. Oferece ferramentas para inteligência de negócios, gerenciamento de capacidade, visualização de dados, previsão de demanda, programação de funcionários, buscas filtradas, alocação de recursos, rastreamento de habilidades e gerenciamento de utilização. Integrações incluem aplicações Google, sistemas da Salesforce, Quickbooks e Jira, entre outros.  Interface em inlglês.

3 - Wrike
Lançada em 2007, oferece opções começando com uma versão básica gratuita, uma profissional para equipes de cinco, 10 ou 15 usuários a US$ 9,80 por usuário/mês e uma business, acessível mesmo para uma startup, a US$ 24,80 por usuário/mês. Também ter uma opção de teste gratuito.  O produto é capaz de lidar com ferramentas para aprovação, fluxo de trabalho, gerenciamento de documentos, gerenciamento de formulários, gerenciamento de recursos e também dashboards personalizáveis.Atualmente oferece 38 integrações, incluindo Google Drive, Drop Box e Box.

gerenciamentodeprojeto

4 - ProjectManager
Lançada em 2008 com o objetivo de "ajudar os gerentes de projeto a descobrir se seus projetos estão no caminho certo", conta hoje com três opções de preços:  a partir de US$$ 25 por usuário/mês para até três usuários, US$ 20 por usuário/mês de 4 a 10 usuários e US$ 15 por usuário/mês de 11 a 20 usuários. Cada uma  delas vem com uma opção de teste gratuito.

Fornece colaboração, gráficos de Gantt, planejamento de tarefas, programação de tarefas, rastreamento de tarefas e rastreamento de tempo. Integra com Google Docs, Exchange MS, Office 365, Salesforce, Quickbooks, Xero, Dropbox, Desk, Slack, Jira, Evernote e muitos outros. 

5 - Smartsheet
Lançado em 2006, oferece uma solução de gerenciamento de projetos com quatro opções mensais de preço por usuário: US$ 14 para uso pessoal, US$ 15 para pequenas equipes (mínimo de três usuários) e US$ 25 para empresas (mínimo de três usuários). Há ainda uma solução corporativa. Todos com versões de avaliação gratuitas.

Dependendo da versão pode incluir gestão de contratos, gerenciamento de documentos fotos, relatórios de incidentes, agendamento de tarefas, gerenciamento de leads, gerenciamento de licenças, gerenciamento de tarefas, etc. Oferece integração com Google Docs, MS Outlook, Azure, Office, Salesforce, Onedrive, Box, Jira, Evernote e muitos outros.

6 - Zoho Projects
Lançada em 1996, fornece uma solução de gerenciamento de projetos com quatro opções de preços. A primeira, é gratuita, só funciona para um projeto. A segunda custa US$25 por usuário/mês, para até 20 projetos. Para ir além de 20 projetos, o custo mensal por usuário aumenta para US$ 50. Cada solução também vem com uma versão de teste gratuita. A ferramenta oferece recursos para planejamento e coordenação de projeto, tracking de tempo, gerenciamento de documentos, relatórios, rastreamento de bugs e gráficos de Gantt. As integrações incluem G Suite, Jira, MS Project, Dropbox, Box, MS Outlook, Slack e outros.

7 - Teamwork
Lançado em 2007, oferece quatro opções de preços, incluindo uma solução para pequenos escritórios a US $ 49 por usuário/mês, com uma versão gratuita para avaliação. Suas soluções oferecem acompanhamento de orçamento, colaboração, compartilhamento de arquivos, diagramas de Gantt, gerenciamento de ideias e problemas, tracking de pontos de controle, planejamento de projetos, gerenciamento de requisitos, monitoramento de status e despesas e muito mais. Integra com Onedrive, Zendesk, Xero, StickynotesPM, Hubstaff, Gmail, Freshbooks, Quickbooks e Google Drive, entre outros.



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui