Recursos/White Papers

Carreira

8 arquétipos de CIOs

Que tipo de líder de TI você é?

Clint Boulton, CIO/EUA

Publicada em 20 de setembro de 2018 às 13h32

A disrupção dos negócios está acelerando a mudança do papel do CIO. A dinâmica do mercado está forçando os líderes de TI a adotarem um postura mais estratégica. Para muitos, há uma oportunidade real de crescer e ampliar sua influência.

O líder TI tem hoje uma perspectiva única sobre a economia digital e, assim, segue em posição privilegiada quando o tema é a transformação digital dos negócios. Ao mesmo tempo em que há oportunidades, há, naturalmente, pressões. Líderes de TI estão relatando menos satisfação no trabalho, por exemplo.

E ainda há cum contingente grande dos CIOs (44%, de acordo com pesquisa recente da  Deloitte com 1.166 CIOs e 321 CXOs) que não está ativamente envolvido no desenvolvimento nem na execução da estratégia digital da organização.

Cada empresa tem sua própria visão para as responsabilidades de sua liderança em TI. Algumas empresas valorizam um CIO que consegue manter a TI estável; outros esperam que os líderes de TI façam isso e gerem uma transformação digital.

Portanto, com a tecnologia tocando todas as facetas do negócio, os CIOs estão usando diferentes chapéus. Apoiando-se em pesquisas selecionadas pela Deloitte, KPMG, Gartner e outros, a CIO.com analisa os arquétipos mais comuns dos CIOs hoje.

Que tipo de CIO você é qual função você aspira ter para ajudar sua empresa a alcançar os resultados de negócios desejados? Na era Digital, é melhor você descobrir isso, antes que outro executivo o faça. 

1 - Operador confiável
Se você está se concentrando na eficiência, confiabilidade e contenção de custos de TI, você é parte dos 55% de CIOs considerados “operadores confiáveis”, de acordo com a Deloitte. Este é o seu papel clássico, focado em manter as luzes acesas. O estudo State of the CIO de 2016 já havia definido os operadores como CIOs "funcionais" que gastam a maior parte do tempo gerenciando despesas, segurança e crises de TI e melhorando as operações de TI. A Forbes chama esses CIOs de "encanadores". 

Mas eis a má notícia para todos os operadores funcionais e fluentes: a Deloitte diz que esse papel se tornará obsoleto, à medida que suas funções se tornarem uma aposta na liderança de TI. Se você estiver ficando cada vez mais encurralado nesse papel, talvez seja hora de iniciar projetos voltados para a inovação ou o crescimento dos negócios. Para obter dicas, consulte "6 segredos de CIOs altamente inovadores" e "6 segredos de CIOs geradores de receita".

2 - Co-criador de negócios
Se você está impulsionando e possibilitando o crescimento através da execução da estratégia de negócios, então você está entre os 36% de CIOs que a Deloitte definiu como “co-criadores de negócios”. Esses são os CIOs que sempre falam sobre a importância da parceria com as áreas de negócio para gerar valor. Esse líderes são provavelmente co-criadores empenhados em alinhar-se com as necessidades do negócio. Um bom lugar para se estar, mas cuidado: as regras do alinhamento das áreas de negócio com a TI estão mudando.

3 - Broker
Brokers são CIOs co-criadores que efetivamente se envolvem com as áreas de negócio para moldar a demanda e os resultados. Mas eles também alavancam tecnologias emergentes que impulsionam a inovação, incluindo a promoção e gerenciamento de um portfólio de soluções, de acordo com o diretor da KPMG, Denis Berry, que considera os brokers como peças-chave em um novo modelo operacional de TI. 

Esses CIOs, que ajudam os departamentos de vendas, RH e outros departamentos a selecionar e negociar soluções de software como serviço (SaaS), também exploram novas posições e habilidades necessárias para uma mudança de como a TI é percebida na empresa, adequando a equipe à nova realidade. Para saber mais sobre o sucesso na função de corretor, consulte “Modernizing IT: How to thrive as a CIO ‘value broker”.

4 - Integrador
CIOs que gastam muito do seu tempo tecendo plataformas brincam muitas vezes que são "oficiais de integração". Esses integradores implementam uma arquitetura nova e aberta, alavancando um centro de excelência. O motivo? "A vantagem competitiva sustentável e o valor comercial surgem quando o front, o middle e o back-end trabalham juntos para uma empresa verdadeiramente digital", escreveu Berry.

5 - Orquestrador
Se você estiver criando e gerenciando serviços de usuário, gerenciando relacionamentos com fornecedores, protegendo a empresa e monitorando a entrega de serviços, provavelmente estará cumprindo uma função de orquestrador. A orquestração realizada pelo CIO é ideal para fornecer o valor ideal para os negócios, diz a KPMG. Mas o papel pode ser complexo, pois os orquestradores tendem a equilibrar muitas bolas em muitos domínios para fornecer esse valor comercial.

6 - Investigadores transformacionais
Este CIO lidera a transformação dos negócios através do uso da tecnologia, de acordo com a Deloitte. Respondem por apenas 9% dos CIOs. Também se concentram em tecnologias emergentes e dão suporte à estratégia de negócios. Em seu relatório anual State of the CIO, a IDG considera esses CIOs como líderes “transformacionais”. Para obter dicas sobre como prosperar nessa função, consulte “CIOs agentes de mudança: A arte da recuperação de TI” e “7 hábitos de líderes digitais altamente eficazes”.

cio

7 - CIO Plus
Muito antes de os CIOs se tornarem instigadores tranformacionais, eles evoluíram para se tornarem “CIOs Pluses”, um termo cunhado por George Westerman e Richard Hunter em seu livro "Real Business of IT: How CIOs Create and Communicate Value". São CIOs que assumem responsabilidades adicionais, que podem incluir outras funções. Entre eles estão CIOs que aderiram a responsabilidades como diretor de inovação, CTO ou desenvolvimento de produtos e logística estão entre os identificados como vantagens.

À medida que o digital se torna cada vez mais importante na estrutura do negócio, mais CIOs estão ganhando também o título de diretor digital. Akash Khurana, CIO e CDO da empresa de construção McDermott International, disse que seu papel mudou de estabilizar a função de TI para ser um "transformador digital", permitindo-lhe abrir novos canais para a empresa.

"Como uma equipe de tecnologia, estamos tendo discussões com clientes que nunca tivemos antes - discussões estratégicas e valiosas, em vez de focar apenas na estabilização e otimização de nossa função", disse Khurana ao Gartner em seu relatório "2018 CIO Agenda".

8 - Vanguardista
O CIO Plus e o instigador transformacional dão lugar ao CIO Vanguardista digital, que a Deloitte diz que são percebidos pelo resto dos negócios como líderes na condução de tecnologias digitais emergentes. O vanguardista, que manipula a tecnologia de back-office e front-office para facilitar a transformação digital, está à frente da maioria dos CIOs em tecnologias emergentes e inovação, e serve como sinalizadores para o futuro das empresas. De acordo com o estudo da Deloitte eles são 10% dos atuais CIOs. Para saber mais sobre como fazer essa transição, consulte "Como quebrar o modelo de CIO - e se tornar um líder de negócios".



Reportagens mais lidas

Acesse a comunidade da CIO

LinkedIn
A partir da comunidade no LinkedIn, a CIO promove a troca de informações entre os líderes de TI. Acesse aqui